ser pais

12 dicas que podem ajudar MUITO na tarefa de ser pais

Ser pais

12 dicas que podem ajudar MUITO na tarefa de ser pais

1 – Pais sem culpa

Para ser pai e mãe sem culpa: aprende a amar e perdoar. A voltar atrás. Lembre-se que as crianças sabem desculpar.

2 – Sem máscaras

Não faz mal stressar, ficar ansioso ou nervoso. Os pais precisam de ser sinceros. Mostre os seus verdadeiros sentimentos. A criança percebe quando os pais não estão bem, não adianta fingir. Só irá baralha-la.

3 – Atenção aos gestos e conversas

As crianças escutam tudo. E imitam os pais. Posto isto, se não quiser que os seus filhos repitam os seus defeitos, preste atenção ao que diz e faz à frente deles..

4 – A noite antecipa o dia

A forma como a criança passa a noite determina o seu estado no dia a seguir. Crie um ritmo noturno e respeite-o. Quando não correr bem a noite, dê o devido desconto no dia a seguir.

5 – Não fale muito, não explique muito.

Os nossos filhos não precisam de saber tudo o que se passa. Só precisam de saber que nós, pais, estamos a controlar a situação. Por exemplo: a criança está nervosa porque está com sono e começa uma discussão consigo: não adianta discutir. Você é o adulto e sabe que ela está com sono, então ponha-a a dormir.

6 – Conversamos com eles como se fossem adultos.

“O que é que se passa contigo? O que é que precisas ?” – As crianças não conseguem responder a estas questões porque ainda não tem consciência formada e isto torna-se stressante para elas. Hoje em dia, os pais  super estimulam o intelecto, mas incapacitam a criança de fazer coisas. Você não imagina a quantidade de coisas que uma criança com 5 anos é capaz de fazer. E elas precisam de construir a sua independência. As crianças precisam de ter pequenas tarefas em casa. Não coisas muito amplas como “arrume seu quarto” mas pequenas e claras funções como: guardar os sapato, ou fazer a cama.

7 – Motricidade fina

Muitas pesquisas científicas apontam que a parte do cérebro ligada à escrita manual é muito maior do que a parte que usamos para escrever no computador. Por isso estimule o seu filho a escrever à mão, a pintar, a colorir. Estará não só a desenvolver a motricidade, como o intelecto.

8 – Escute (entenda) as crianças e preste atenção.

A criança não está com birra do nada. Não está amuada do nada. Os pais têm o dever de perceber o que se passa com a criança. Entender o que está por trás do que está a acontecer.

9 – O controlo está relacionado com o medo.

Então relaxe. Estamos todos a aprender. Permita-se a cometer erros. Hoje tudo é racionalizado demais. Haja paciência e calma.

10 – Os pais são os primeiros professores.

Esta é uma clássica, mas é tão importante. O papel dos pais não é brincar ou agradar, é educar.

11 – Fez tudo errado hoje?

Amanhã é outro dia. E o seu filho ama sempre os seus pais.

12 – Memórias de infância

Ouça as suas memórias de infância. Repita as boas memórias e tente refazer as negativas. Ser pai é ter a chance de reviver a infância. Então aproveite. Aproveitemos.

 

Por Cris Leão, publicado no Blog Antes que eles Cresçam, adaptado por Up To Kids®

Revista digital destinada a pais e educadores de crianças incríveis! 😀
Digital Magazine , Up To KIds

Contamos com mais de uma centena de especialistas que produzem conteúdos na área da saúde, comportamento, educação, alimentação, parentalidade e muito mais.  Acreditamos em Pais reais, com filhos reais. 

1 thought on “12 dicas que podem ajudar MUITO na tarefa de ser pais
  1. O direito das crianças a ser crianças: Dez sugestões aos pais

    Desde há tempo os pais “imaginam” que o pequenino que deram à luz goza de miraculosas profundidades ontológicas, gnoseológicas e espirituais tais, que o tornam, desde logo, desde a saída do ventre materno, como alguém já grande, alguém já pronto para a vida. Pensam e agem como se o seu pequeno fosse, na realidade, “um simples adulto de baixa estatura”, chamado a viver a infância como período destinado unicamente ao seu crescimento vertical. Não é preciso educá-lo, basta contemplá-lo.

    Saiba mais: https://www.snpcultura.org/o_direito_das_criancas_a_ser_criancas.html

Concorda com este artigo? Deixe a sua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.