Pessoas desarrumadas são mais criativas e mais inteligentes

Socorro: As crianças desarrumam tudo e não voltam a arrumar

Socorro: As crianças desarrumam tudo e não voltam a arrumar

Pais, é oficial: estamos cansados!

Nos dias que correm, nesta atualidade atípica em que o stress e a tensão constantes se tornaram parte da nossa rotina, tornou-se muito difícil manter a paciência e a comunicação assertiva. Mas também os nossos filhos estão sob pressão e, ao contrário de nós, que estamos cansados, estão cheiinhos de energia acumulada. Agora já não podem gasta-la nas atividades extracurriculares e nas brincadeiras ao ar livre, porque o Covid não os deixa. (e nós também não, porque os queremos proteger). Então vamos lá tentar dar um desconto a todos (nós inclusive) e ser pacientes e assertivos na nossa comunicação.

As nossas crianças, cheias da tal energia acumulada, desarrumam tudo e não voltam a arrumar.

Negam os banhos e ajudar a pôr a mesa, recusam-se a estudar e a fazer os trabalhos… As nossas crianças querem ser livres. À semelhança de tudo o que as limita, nós também representamos o papel de autoridade que “só” impõe regras “chatas e inúteis”. No entanto, nós sabemos o quão importante é manter a disciplina e a rotina e garantir a (con)vivência numa casa habitável. Por e para isso, resta-nos solicitar ajuda aos pequenos. Claro que nós “não precisamos” da ajuda deles, mas eles vão gostar de saber que sim.

Vão sentir-se importantes e úteis neste processo de auxiliar os adultos.

Mais que isso, vamos atribuir-lhes responsabilidade e poder de decisão. Vamos “deixá-los escolher” o que querem fazer e quando o querem fazer, apresentando duas ou mais opções na atribuição de uma tarefa…
Sentir que estão a tomar uma decisão, vai conferir às crianças este tal poder de escolha que facilitará as nossas vidas. Assim, os nossos filhos sentir-se-ão responsáveis e poderosos ao decidir se querem arrumar os brinquedos (1) agora ou (2) depois do lanche; ou se querem pôr a mesa (1) sozinhos ou (2) com ajuda e etc.

Mais do que facilitar a divisão das tarefas e contar com a ajuda das crianças para garantir a ordem e a paz nas nossas vidas, vamos estar a educá-las para a autonomia e para a responsabilidade. Desta forma, contribuímos para a sua formação enquanto crianças e futuros adultos.

Boa sorte a todos e muita força e criatividade para este tipo de comunicação assertiva!

Natacha Moreira – Psicóloga Clínica

O Centro Catarina Lucas nasce na sequência do trabalho desenvolvido pela psicóloga Catarina Lucas ao longo dos anos, na área da psicologia e desenvolvimento.

Conta com uma equipa multidisciplinar de cerca de 30 profissionais especializados em diversas áreas da psicologia e do desenvolvimento humano, prestando serviços nas áreas da psicologia para adultos, infantil e juvenil, aconselhamento parental, terapia de casal, terapia familiar, sexologia clínica, neuropsicologia, hipnose clínica, orientação vocacional, psiquiatria, terapia ocupacional, terapia da fala, nutrição, naturopatia, osteopatia, entre outros.

1 thought on “Socorro: As crianças desarrumam tudo e não voltam a arrumar

Gostou deste artigo? Deixe a sua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.