Quanto mais abraçamos os filhos, mais inteligentes eles ficam

Quanto mais abraçamos os filhos, mais inteligentes eles ficam

Estudo confirma que  quanto mais abraçamos os filhos, mais inteligentes eles ficam

É difícil  resistir à tentação de abraçar os filhos sempre que podemos, mesmo correndo o risco de parecermos umas mães ou pais chatos. Eles são o melhor do mundo. Quando sorriem, falam ou olham para nós como se fossemos os seus heróis porque estão com medo, temos vontade de aperta-los nos nossos braços para sempre. Agora a boa notícia é que, este gesto de amor não só é válido como pode ser muito benéfico para o desenvolvimento de uma criança.

De acordo com uma pesquisa recente do Nationwide Children’s Hospital, em Ohio, o contacto físico durante o período de desenvolvimento do bebé é ainda mais importante do que pensávamos.

Quanto mais abraçamos os filhos, mais o seu cérebro cresce.

No estudo foram incluídos  125 bebés prematuros e de termo. A pesquisa  analisou o quão bem eles reagiram ao serem acarinhados.

Os resultados indicaram que os bebés prematuros responderam menos ao afeto do que os de termo. O que também foi revelado, no entanto, foi que os bebés que foram submetidos a mais carinho por pais ou funcionários do hospital, mostraram uma resposta mais forte do cérebro.

De acordo com a investigadora Dr. Nathalie Maitre, um gesto tão simples como o contato corporal ou o embalo do seu bebé nos braços fará uma grande diferença na forma como o cérebro deles se desenvolverá.

“Certificar-se de que os bebés prematuros recebam um toque de carinho é essencial para ajudar seus cérebros a responderem ao toque suave de forma semelhante aos bebés que experimentaram uma gravidez completa”, disse a investigadora ao Science Daily .

Basicamente, o afeto é vital para o desenvolvimento do cérebro. Então, mime e abrace seus filhos o máximo que puder!

Como diz a Ana Vilela na sua música:

“Segura teu filho no colo
Sorria e abraça os teus pais enquanto estão aqui
Que a vida é trem-bala, parceiro
E a gente é só passageiros prestes a partir”

Publicado em Newsner, traduzido e adaptado por Up To Kids®

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.