A importância da rotina e do sono para uma criança

A saúde e o equilíbrio de um indivíduo estão intimamente ligados ao seu ritmo. Na criança mais ainda,pois está a aprender a entender o mundo e quem estabelece este ritmo, na infância, são os pais ou cuidadores.

Nos primeiros 7 anos de vida, a criança  desenvolve-se muito. Na parte física, por exemplo, ganha muito peso e cresce bastante. Sabemos que durante o sono a criança desenvolve-se ainda mais, então é essencial que durma bastante, de preferência durante a noite.

Hoje em dia, há uma grande dificuldade em alcançar uma rotina natural do DIA e da NOITE como antigamente. As horas de sono, por exemplo, têm diminuído bastante segundo diversos estudos, principalmente depois da chegada da luz elétrica. Agora, com a incidência dos tablets, celulares, televisão etc., nem nem se fala. Toda esta tecnologia de luz tem roubado muita vitalidade, principalmente às crianças, que precisam de muitas horas de sono e também de uma rigorosa rotina na alimentação.

Ler também, O seu filho tem medo de ir dormir sozinho? 8 dicas para ajudar

No caso dos bebés, para um bom funcionamento natural do organismo, eles alimentam-se, digerem, repousam, para depois se alimentarem novamente. Se esta rotina não é bem feita e orientada pelos pais, o processo digestivo fica sobrecarregado, gerando um mal-estar e cólicas no bebê, que por sua vez não consegue adormecer, criando o chamado efeito dominó.

Ler também, Alimentação do bebé | 1º ano de vida

Não é à toa que um bebê bem NUTRIDO é um bebé que tem sua hora de comer e de dormir respeitadas, afinal uma criança com sono e cansada não terá o mesmo prazer em alimentar-se. Da mesma forma, uma criança com fome –ou com uma digestão difícil por estar sobrecarregada– não conseguirá relaxar para um sono tranquilo. Estes fatores devem ser considerados em todas as idades, não só para os bebés.

A criança precisa deste ritmo não só para suas necessidades orgânicas, mas também para suas necessidades emocionais.
Se a criança reconhece que a vida tem um ritmo, que o sol se levanta e se põe, que existem as estações de ano, que o seu aniversário se repete todos os anos na mesma época, terá uma segurança emocional que se deve à previsibilidade.

Ou seja, se a criança sabe que as coisas acontecem e que não tem que gritar, ou de ficar ansiosa para conseguir algo, todo seu entorno caminhará de forma mais harmoniosa, inclusive sua alimentação.

Por Dr. Antônio Carlos de Souza Aranha, para Nutrifilhos

imagem@sorcaba

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Instagram did not return a 200.