Do diretor de uma escola em Singapura aos pais antes da época de exames

Do diretor de uma escola em Singapura aos pais antes da época de exames

O modelo de ensino tradicional e os testes padronizados das escolas têm vindo a ser postos em causa por pais e educadores de todo o mundo. O processo de repetição e a sobrecarga horária para garantir que as crianças aprendam mais conteúdos (e cada vez mais cedo), acaba com a verdadeira aprendizagem – o desenvolvimento da curiosidade e do pensamento criativo e crítico.

Outro estigma do ensino tradicional é que os resultados escolares são preditores de um futuro garantido e de uma existência feliz.

No entanto, sabe-se hoje que muitas das pessoas mais bem-sucedidas no mundo não foram alunos brilhantes, e que o sucesso empresarial não é sinonimo de felicidade. Não é preciso um estudo para confirmar isto, mas de certeza que se googlarmos encontramos qualquer coisa neste sentido.

Obviamente, se as pessoas são todas diferentes, exames padronizados e um sistema de ensino estanque não poderão servir a todas as cabeças.

Quando começou a época de exames, um diretor de uma escola em Singapura enviou esta carta a todos os pais, que foi colocada online, e tornou-se viral pela forma como enfatizou as necessidades de cada criança em vez dos resultados escolares.

Queridos pais,

A época de exames dos vossos filhos está prestes a começar. Eu sei que estão ansiosos para que eles obtenham boas classificações.

Mas por favor lembrem-se que em cada estudante que estará a ser avaliado há um artista que não precisa de ser especialista em matemática… há um empreendedor que não precisa de dominar História ou Literatura… há um músico, cujas notas de Ciências não são relevantes para si. Há um atleta que valoriza mais educação física do que as aulas de Físico-química.

Se os vossos filhos tiverem notas excelentes, ótimo! Mas se não tiverem, por favor não os deitem abaixo destruindo-lhes a confiança e a autoestima.

Digam-lhes que está tudo bem. É só um teste. Eles estão destinados a algo muito maior e mais importante na vida. Digam-lhes que os amam incondicionalmente, independentemente dos resultados académicos, e não vão conota-los por uma avaliação.

Por favor, façam o que vos peço.

E quando o fizerem, vejam os vossos filhos a crescer e a conquistar o mundo. Uma nota baixa não irá acabar com os sonhos deles nem mesmo com o seu talento.

E acima de tudo, lembrem-se que os médicos e engenheiros não são as únicas pessoas felizes do mundo.

carta-do-diretor-em-singapura

imagem@ensinamais

LER TAMBÉM…

Carta de um pai ao Diretor da Escola

18 coisas que os pais deviam dizer aos professores

14 Verdades que os professores deviam dizer aos pais

 

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.