Ideias para tornar o Natal das crianças (super) mágico

Estamos a duas semanas do Natal mas há muito que os meus filhos perguntavam pela árvore, pelas prendas, pelos doces… porque ainda o Natal não se sentia em nossa casa, já nos entrava pela televisão e pela caixa correio através dos anúncios de Barbies e Legos e dos catálogos dos hipermercados com brinquedos da primeira à última folha, com campos para as crianças assinalarem o que querem receber e tudo!

Para contrariar um pouco esta tendência exclusivamente consumista associada ao espírito natalício começámos a planear o nosso Natal de uma forma diferente… E os preparativos para tornar o Natal super mágico já começaram.

  • Construir a nossa própria árvore de Natal

Não digo que não acabemos por desempacotar a nossa árvore de Natal tradicional, com as suas velhas bolas douradas e luzinhas de todas as cores, mas o desafio deste ano é construir a nossa própria árvore! Com um ramo de uma videira e alguns ornamentos, vamos fazer uma árvore de Natal que vai ficar exposta na nossa casa o ano inteiro… Afinal, o Natal devia ser todos os dias! Já começámos a pesquisar algumas ideias aqui aqui mas acho que o resultado não vai ser nada parecido… Ficaremos felizes se no final se parecer com uma árvore ao menos!   

  • Escolher brinquedos para oferecer a outras crianças

Quando sugeri que escolhessemos brinquedos,  que há muito ficaram esquecidos no sótão, para oferecer a outros meninos, a Beatriz (que no último Natal era pequena demais para participar nesta recolha) respondeu-me: “Só se os meninos me emprestarem os deles…” Expliquei então, com a ajuda do Francisco, que é mais crescido, que há meninos que não terão presentes no Natal e que há uma maneira de ficarem um pouco mais felizes: haver quem lhes dê brinquedos usados, desde que estejam em bom estado. Desde esse dia não fala de outra coisa: “Mamã, é hoje que vamos ao sótão escolher os brinquedos?” Quanto à Carolina, avisou logo que quer dar um peluche a um bebé, porque ele pode engolir os brinquedos se estes forem muito pequenos…

  •  Decorar a casa com luz e cor

A instalação das luzinhas nas paredes vai ficar a cargo do pai mas… e o resto? A decoração da casa vai ser uma tarefa para as crianças (o que, bem vistas as coisas, é o que acontece no ano inteiro…). O site Kidsactivities tem algumas dicas de atividades que se podem fazer nesta época. Gostámos particularmente da ideia de fazer um makeover os pequenos bonecos estropiados que não faltam por aqui. A cola e as purpurinas já estão a postos!

  •  Postais de Natal para enviar a familiares e amigos

Nunca conseguimos reunir a família toda no Natal… Mas podemos mostrar que pensamos neles. Imprimir as fotografias tiradas na escola em formato de postal de Natal foi a primeira fase. A segunda é escrever ou fazer um desenho e enviar pelo correio, uma coisa que se usava muito antigamente, antes de haver estas modernices dos emails e da internet. Dos meus três filhos só um sabe escrever mas não há problema porque as tarefas já estão divididas: há quem escreva, há quem desenhe, há quem pinte…

  • Escrever uma, duas, três… cartas ao Pai Natal

O Francisco já não vai nisso, mas vai escrever a carta pelas suas irmãs, que lhe vão ditar que prendas gostariam que o Pai Natal lhes trouxesse. Pelo meio, o Francisco vai sussurrando “O Pai Natal não existe…” e pelo sim pelo não, as duas vão intercalando os pedidos ao Pai Natal com os pedidos à Mãe e ao Pai Natal cá de casa: “Olhem, mas vocês compram-me isto”. Então mas não é o Pai Natal que te vai oferecer isso? “Não, isto são vocês.”

  • Fazer brinquedos para oferecer aos amigos

Pois é… Esta é que ainda não sabemos bem como é que vai ser… Parecia uma boa ideia quando eles sugeriram mas… e como? Não podem contar muito comigo para habilidades destas mas temos por aqui muita lã, botões, cartões, embalagens de gel duche e caixas de ovos e alguma coisa havemos de fazer. Se no final olharmos para as nossas obras de arte e acharmos que estão más demais para oferecer a quem quer que seja, ao menos passámos uma tarde divertida em família a dar largas à imaginação.

  •  Fazer cupcakes deliciosos

Qualquer mãe sabe que ter pequenos pasteleiros na cozinha é sinónimo de farinha espalhada pelos armários, medalhas de chocolate pela roupa e cabelo a parecer algodão-doce… Mas como descobri uma receita para fazer cupcakes no microondas, decidi abrir uma exceção. Calculo que leve uns 5 minutos a preparar os ingredientes, mais 2 no microondas, 2 minutos para arrefecer e 1 para comer! O que quer dizer que em 10 minutos temos a nossa merecida recompensa, com calorias suficientes para nos dar energia para o tempo que vamos passar a limpar a seguir (vamos não, vou!)… Mas há de valer a pena cada segundo!

Quero que os meus filhos tenham um Natal Feliz e que aprendam a valorizar esta época do ano. Porque Natal é Família, Natal é Magia, Natal é pensar nos outros… Natal não é só receber, mas é sobretudo DAR! Porque se vivermos em harmonia a época natalícia, torna-se mais fácil ter presente os valores que cultivamos no Natal durante o resto do ano.

O Natal está aí. Será que vamos ter tempo para pôr em prática tantas ideias?

 

imagem capa@dengodefeen

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.