Queres ajudar? Lava-me a loiça!

Queres ajudar? Lava-me a loiça!

Lava-me a loiça!

Queres ajudar? Lava-me a loiça!

É certo, quando temos bebés, todos oferecem ajuda e poucos são aqueles que são verdadeiramente sinceros na sua oferta.
De vez em quando, lá uma avó ou uma tia se disponibiliza para ficar com o bebé para tu “fazeres as tuas coisas”.

Mas eu não preciso de ajuda para criar o meu filho!

Ser mãe não é difícil, é até muito fácil. A dificuldade está em ser mãe e todas as outras coisas que temos que ser.
Está em ser mãe, e trabalhadora a tempo inteiro, e amiga, e família, e dona de casa, e ainda arranjar tempo para ser mulher.
A dificuldade está em todas as coisas que nos impedem de simplesmente ser mãe. 

Todas as mães sofrem da falta de tempo.

Imaginem o quanto se queixariam os bebés se pudessem.
O problema não está neles. Está em brincar com eles enquanto a roupa espera por estender. Em adormecê-los enquanto a cozinha ficou por arrumar. Em acordá-los com beijinhos quando o ponto do trabalho espera por ser picado.

Amigas das mães querem ajudar?

Lavem-lhes a loiça. Apanhem-lhes a roupa. Vão às compras por elas. Aspirem-lhes a casa. Livrem as mães das tarefas que as impedem de ser apenas mães. Porque para ser Mãe, ninguém precisa de ajuda!

LER TAMBÉM

A maternidade é como a idade; bonito é fingir que não passamos por ela

Alimentação Sustentável como equilíbrio entre a produção alimentar, saúde e protecção ambiental

Bater num adulto é agressão, num animal é crueldade, numa criança é educação

 

Quando entrei no mundo da maternidade, descobri uma nova pessoa em mim, e toda uma nova forma de ver a vida.

Assim, e porque encontrei muitas dúvidas, criei o blog Sei Lá eu ser mãe. A maternidade aos meus olhos. Sem rodeios nem floreados. Software tester de profissão, é a escrever que me sinto livre.

Concorda com este artigo? Deixe a sua opinião!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.