Envenenamento por chumbo

Envenenamento por Chumbo

Hoje vamos falar de um tema que não é muito abordado, contudo é importante alertar os pais e educadores para esta questão.

O envenenamento por chumbo é causado pela sua inalação ou ingestão, sendo a maior parte das inalações provenientes de poeiras de tinta de casas mais antigas. Quando a tinta velha se descasca e dá origem a rachadelas, formam-se lascas de tinta e poeiras de chumbo que caem no chão. O chumbo entra no organismo da criança quando eles levam as mãos à boca. As canalizações e os brinquedos que são pintados com tintas à base de chumbo também são considerados fontes de contaminação.
Deve lavar as mãos do seu filhote com frequência especialmente antes de comer e dormir e lavar os brinquedos regularmente com água e sabão.
Em caso de contaminação algumas crianças podem manifestar sintomas como dores de cabeça, dificuldades de concentração, dores abdominais com consequente indisposição.
O chumbo no organismo pode afetar sobretudo o sistema nervoso e o renal, bem como retardar o crescimento e desenvolvimento da criança.

Entre os 9 meses e os 6 anos existe um maior risco de envenenamento por chumbo uma vez que o organismo absorve este metal com maior facilidade quando comparadas com as restantes crianças.

Os pais devem procurar incluir alguns nutrientes nas refeições dos seus filhos que podem funcionar como aliados na proteção do organismo contra o chumbo; como é o caso cálcio presente nos lacticínios, o ferro presente nas carnes ou nos vegetais de folha verde escura e a vitamina C presente nos citrinos como a laranja.

Caso tenha alguma dúvida não hesite em consultar o seu médico ou nutricionista.

Por Ana Filipa Pereira – Estagiária do Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz na Bebé Gourmet.,
para Up To  Kids®

Todos os direitos reservados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.