SORGENFRESSER | Papa-medos

[Sugestão de Natal da UP TO LISBON KIDS]

Li uma reportagem sobre estes bonecos na revista tentações, suplemento da revista sábado. A história da repórter podia ser contada por mim. O seu filho de 7 anos tem medo de dormir sozinho. Ela, quando viu os bonecos pensou o mesmo que eu: ”Isto não vai resultar…”  Um monstrinho com várias orelhas ou antenas, olhos assustadiços, e um fecho no lugar da boca, que permite abrir e fechar para as crianças encerrarem lá os seus medos por escrito ou através de desenhos? “Como é que isto vai funcionar?”… Mas uma mãe desesperada “não nega à partida uma ciência que desconhece”.
SAGGO MINI

 

Passo a explicar: o meu filho JM vai fazer 7 anos dentro de poucos dias, e não vai para a cama sozinho.  Toda a santa noite tenho de o ir deitar, e ficar lá até adormecer. Já tentei tudo o que possam estar a imaginar neste momento, até já lhe dei vitaminas e disse que era uma poção para tirar os medos, e não resultou. Sim, também já o deixei a chorar no quarto até adormecer: só serviu para aumentar os medos que tem do escuro, da morte e de perder os pais! ENNO GRANDE

Investiguei então um pouco mais sobre os Sorgenfresser. Estes monstros alemães, cujo nome significa literalmente “Papa-medos” prometem tornar-se no melhor amigo das crianças, um confidente a quem podem contar tudo por escrito ou por rabiscos. E eles encarregam-se de lidar com o problema, ou medo fazendo que a criança acabe por ultrapassá-lo com alguma segurança.
FRULA GRANDE Experimentámos, então, cá em casa. O meu filho gostou logo do boneco: eles são giros, coloridos, estranhos e aquele olhar deles dá largas à imaginação das crianças, de tão indefinido que é. Explicámos como é que funcionava, e ele já se mostrava ansioso por começar a guardar coisas no Riscas, o Destemido, conforme o baptizou.

Para nosso espanto, a primeira coisa que escreveu foi “Medo de fazer cambalhotas”, nem queria acreditar que estávamos a fugir ao grande problema. Depois sim, a seguir ao “Medo de fazer o pino nas barras” ainda escreveu mais dois papéis que diziam: ”Medo de estar sozinho” “Medo de morrer”.  Estava quase na hora de ir para a cama e comecei a tentar por em teste as capacidades do Riscas (se calhar foi cedo de mais).

ED GRANDE

A primeira coisa que o JM fez, foi abrir o fecho da boca do Riscas e verificar se ainda estavam lá os papéis…e claro estavam. “Mãe, acho que isto não vai resultar…” Tive de ir deitá-lo.
No dia a seguir resolvi acelerar o processo, abri o boneco e quando tentava escolher o papel mais importante para tirar percebi que o JM se aproximava, por isso tirei um qualquer e, ao fechar a boca à pressa acabou por se rasgar outro dos medos que arranquei pela metade, tendo deixado lá outra parte.

Qual não foi a sua alegria ao perceber que o Riscas tinha despachado um medo e meio. Já faz meia cambalhota, e passou automaticamente a ficar sozinho no quarto até à hora de ir dormir. Estamos a falar de um miúdo que não acredita no Pai Natal desde os 5 anos, e tem muita noção da fantasia e da realidade. Mas ainda não adormece sozinho. Esse será o próximo passo. Mas o facto de ficar sozinho na cama por 30min é um bom principio para se habituar a adormecer. E o mais importante é que ele acredita que vai funcionar, e que vai conseguir.

Veio dizer-me entre dentes: ”Mãe o Riscas é um boneco… ele não consegue comer papeis!”  E eu contei-lhe a verdade, com esta idade já não dá para mentir aos miúdos: “Não querido, ele não come papéis, ele apenas devora os medos e guarda os teus segredos para todo o sempre. A mãe é que tirou os papéis porque estavam muito amachucados e já não tinham nada escrito”
“-Ai não?” Disse pensativo com os olhos a brilhar.

SCHNULLI GRANDE
A B., irmã mais nova de 5 anos aproveitou para por lá os seus desejos de Natal. O Riscas funciona como um portal onde eles colocam tudo e as coisas acontecem: “se o JM deseja perder o medo, eu desejo receber presentes” Está certo, as meninas nestas coisas não deixam passar nada. O mais novo de 3 anos disse em voz alta “Medo do escuio” Fechou a mão ao som de um TCHEEEC, e atirou para dentro da boca do Riscas, também acompanhado do som “POFTSH”. Esfregou as mãos uma na outra e foi-se embora numa espécie de missão cumprida!

Por isso desengane-se quem acha que é um boneco para os mais velhos: todas as crianças gostam e adaptam às suas necessidades: ou contam segredos, ou pedem desejos, ou revelam medos.
Schmidtspiele85366
Para nós pais, serve como um portal para a cabeça deles e um pretexto para abordar os assuntos que os perturbam sem invadirmos a sua zona de conforto. Para as crianças é muito difícil verbalizar quais os seus medos, e nós queremos tanto ajudar! Cria-se um espaço emocional para falar sobre o que foi escrito ou desenhado, e o que realmente os assusta.

Cá em casa todos se renderam ao charme do Riscas, o Destemido, e segundo ele parece que o Pai Natal vai trazer Sorgenfressers para os mais pequeninos. O problema vai ser escolher um deles, porque dos 15 existentes não sei qual o mais giro!

Quanto a mim, pelo sim pelo não, já lá coloquei um papel a pedir saúdinha para o próximo ano!

123

Para mais informações: sofiardevir@gmail.com  ● 918786006 ●
Comprar aqui


OS SORGENFRESSER EM PORTUGAL
Em Portugal os Sorgenfresser chegaram recentemente pela mão da Devir e prometem tornar-se os melhores amigos das crianças um pouco à semelhança do que já acontece por toda a Europa.

O QUE É UM SORGENFRESSER?
O Sorgrenfresser é um monstrinho com um objetivo muito claro: guardar todas as preocupações e medos para proteger a criança até que esta se sinta pronta para enfrentá-los.

OS MONTROS DA BOCA- FECHO

São bonecos? São peluches? São os Sorgenfresser, sensação em toda a Europa. Os Sorgenfresser são 15 monstros que vêm da Alemanha e foram criados por Gerd Hanhns. Significam literalmente “devora-medos” e graças à sua boca-fecho comem os medos, e os receios das crianças… podendo ser realmente úteis a toda família. Os Sorgenfresser permitem guardar os problemas para que estes não incomodem os mais novos e funcionam como uma espécie de melhor amigo com quem as crianças partilham as suas emoções. Basta fazerem um desenho ou escreverem e colocarem o papel na boca do Sorgenfresser para se sentirem mais aliviadas e… felizes!

COMO CONSEGUEM FAZER ISSO?
A criança pode escrever ou desenhar aquilo de que não gosta e colocá-lo na boca do Sorgenfresser para que este o possa armazenar e assim conseguir tranquilizar essas emoções até ao momento oportuno para se conversar sobre elas.

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS

– Ajudam gerir o medo em momentos pontuais
Os Sorgenfresser podem ajudar a superar os medos e receios  próprios da idade como o escuro, ruídos inesperados, fazendo com que as crianças se sintam apoiadas pela capacidade que os Sorgenfresser têm de temporariamente afastar esses medos.

– Ajudam a expressar emoções
Graças à capacidade dos Sorgrenfresser para se desfazerem temporariamente de emoções desconfortáveis através da escrita ou do desenho, a criança acaba por transmitir as suas emoções não só de forma verbal, conseguindo assim expressar mais facilmente aquilo que a faz sentir incómoda e que e às vezes é tão complicado de explicar aos adultos.

– Criam um espaço para identificar emoções
É através dos desenhos ou do que a criança escreve, e também do que expressa verbalmente que os membros da família podem ajudar a identificar as emoções para que a criança as possa reconhecer, dando-lhes um nome e saber como enfrentá-las em situações futuras.

– Criam tempo para se  falar sobre as emoções

O uso dos Sorgenfresser como um veículo de comunicação de emoções, permite não só à criança aprender a expressar e identificar essas emoções, como proporciona o momento perfeito para que a família converse sobre aquilo que a criança sente.

 -É útil para várias idades
Os Sorgenfresser podem ser usados na infância mas também na adolescência sobretudo como confidentes ou “guarda-segredos”.

MAIS INFORMAÇÕES:  sofiardevir@gmail.com  ● 918786006 ●

 Conjunto Sorgenfresser_3

1 thought on “SORGENFRESSER | Papa-medos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.